imaginem

tumblr_static_tumblr_m9k65r615h1rcspc6o1_500«Imaginem que Passos Coelho e Maria Luís anunciavam ao país que iam a Bruxelas dizer que não negociavam mais com a troika, que não falavam com o FMI nem com o BCE, mas que depois se sentavam à mesa com ambos, em amena cavaqueira. Negociaram afinal com as “instituições internacionais” o eufemismo para troika. Tratou-se afinal, como lhe chamou o Jornal de Negócios, de uma “cedência semântica”.

Ou então imaginem que o Primeiro-Ministro e a Ministra das Finanças diziam em Portugal que iam Bruxelas exigir o fim da sua austeridade e do memorando de entendimento, mas que voltavam a Portugal com mais 4 meses de extensão do empréstimo e do programa da troika.

Imaginem que Passos e Maria Luís diziam em Portugal que dariam um tiro na cabeça se “Bruxelas” os obrigasse a recuar, e depois de aterrarem na Portela confessassem: Portugal recuou “dez milhas, quatro quintos de um caminho, é hora da europa recuar o outro quinto que falta” (daqui)

Anúncios