pormenores (2)

pedras-rua-alexandre-herculanoDepois de ter escrito este texto sobre o buraco na Rua Alexandre Herculano, o mesmo foi remendado e encontra-se num estado idêntico ao que a imagem mostra (esta fotografia foi tirada em Outubro de 2010!!!).

E por que volto a maçar-vos com esta história? Bem, em primeiro lugar, pelo tempo que ela dura: 7 (sete) anos, no próximo mês de Abril (a primeira vez que escrevi sobre isto foi a 1 de Junho de 2010). Não sou especialista na reparação de buracos, mas julgo que sete anos é demasiado tempo para reparar um buraco desta dimensão.

Depois, porque fica-se com a sensação de que existem almeirinenses de primeira e de segunda, consoante a sua localização. Se morarem numa via com maior visibilidade ou próxima do centro da cidade, a autarquia está atenta aos “pormenores”; se morar afastado desta zona de influência, os pormenores, pura e simplesmente, não existem!

Por último, este artigo laudatório da maioria socialista no actual mandato autárquico, onde são enaltecidas as grandes obras do regime (são tantas que seria maçador enumerá-las…) e que me leva questionar porque razão uma autarquia leva a cabo tantas obras de grande dimensão em menos de quatro anos e demora sete para reparar um buraco numa qualquer rua. Poderia ser por desconhecimento, o que julgo não ser o caso. Não sendo por falta de conhecimento do problema, só poderá ser por falta de interesse em resolvê-lo!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.