então, tal como agora…

«Nos treze anos em que D. João viveu no Brasil, as despesas da mal-administrada e corrupta Ucharia Real mais do que triplicou. O déficit crescia sem parar. No último ano, 1821, o buraco no orçamento tinha aumentado mais de vinte vezes — de 10 contos de réis para 239 contos de réis. Apesar disso, a … Continuar a ler então, tal como agora…

Anúncios

incerteza no horizonte

«E a economia? O crescimento neste ano deverá rondar 1%, o que é cerca de metade do que se previa para este ano. Tem olhado para este resultado e para as suas explicações? Sim, penso que é relativamente simples. Parece que o plano do governo era reverter algumas medidas de austeridade, dar um empurrão ao … Continuar a ler incerteza no horizonte

almofadas

O primeiro-ministro assegurou à Comissão Europeia que o Orçamento de Estado de 2016 possui uma almofada financeira equivalente a 0,2% do PIB. Ou seja, o mesmo valor pelo qual poderemos ser penalizados por incumprimento das regras do Tratado Orçamental. Para tal, o Ministério das Finanças já procedeu à cativação de verbas o que, segundo o … Continuar a ler almofadas